Monday, 31 January 2011

As Primeiras Aquisições do Ano

Aqui estão os livros que se juntaram à minha estante neste primeiro mês do ano.


- "O Pacto" de Gemma Malley [Opinião] ;
- "Shiver - Um Amor Impossível" de Maggie Stiefvater [Opinião] ;


- "Vínculo de Sangue" de Patricia Briggs.

Como prometido no início deste ano, não passei a barreira de três livros por mês. Fiquei mesmo no limite. Espero no próximo mês cumprir mais uma vez a minha promessa.  


"A Abadia de Northanger" de Jane Austen foi encomendado em Dezembro mas apenas chegou a casa este mês.

"Shiver - Um Amor Impossível", Maggie Stiefvater

Título Original: Shiver (2009)
Autor: Maggie Stiefvater
Editora: Editorial Presença
Colecção: Noites Claras
Nº Páginas: 440
ISBN: 978-972-23-4451-7
Género: Romance Fantástico

Sinopse: "Sam e Grace são dois adolescentes que vivem um amor sublime e aparentemente impossível. Todos os anos, quando chega a Primavera, Sam, abandona a sua vida de lobisomem e recupera a forma humana, aproximando-se de Grace, mas sempre que regressa o Inverno, vê-se obrigado a voltar à floresta e a viver com a sua alcateia. Conseguirá o seu amor vencer os muitos obstáculos que ameaçam separá-los para sempre? Uma história cheia de aventuras e descobertas, mágica, original, que desafia a mente e enternece o coração."

Opinião: Grace é uma jovem de dezassete anos que está apaixonada por um lobo de olhos dourados. Anos antes esse mesmo lobo - Sam - salvou-a da sua alcateia esfomeada, quando esta tinha apenas onze anos. Desde dessa altura que Grace observa os lobos que vivem no bosque atrás da sua casa, durante o Inverno.

O que Grace não sabe é que esses lobos não são meros animais: durante o Verão são humanos e durante o Inverno transformam-se em lobos. Ao contrário de outos livros que já li, estes humanos quando se transformam em lobos perdem as suas emoções e os seus pensamentos humanos. Como lobo, Sam não consegue lembrar-se da sua vida como humano - apesar de não saber como, Sam consegue manter lembranças de Grace.      

Após o ataque a um rapaz chamado Jack, os lobos de Mercy Falls vêem-se perseguidos. É durante uma caçada que Grace e Sam - na sua forma humana - finalmente se encontram. Basta um olhar apenas para Grace saber que Sam é o seu lobo - e a sua história de um amor impossível inicia-se. 

Li muitas críticas negativas sobre este livro. Não compreendo bem o porquê pois achei este livro bastante interessante e com algo novo para revelar - até nos oferece duas pequenas histórias secúndarias. Confesso que algumas das personagens podiam ter sido um pouco mais desenvolvidas, mas o livro não pecou por causa disso. A relação entre Sam e Grace foi lindamente desenvolvida.   

Neste livro a mitologia dos lobisomens não é muito explorada. Sabemos que a transformação é originada devido às baixas temperaturas do Outono/Inverno e que cada lobo tem um determinado número de anos humanos, até se tornar em animal para todo o sempre.

Uma característica engraçada de Sam - pelo menos eu achei engraçado o que muitos acharam lamecha - foi a sua capacidade de "compor" letras de músicas, na sua cabeça, relacionadas com  situações em que se encontrava. Este mesmo Sam é uma personagem um pouco criticada por não agir muitas das vezes como um rapaz de dezoito anos. Mas vejamos: o Sam não é um rapaz comum! Desde os seus sete anos que Sam se transforma em lobo com a chegada do frio.

Muitos comparam este livro à saga Crepúsculo. Como nunca li a saga - nem faço tenções de ler após a atmosfera de loucura gerada em volta dos livros - não devo opinar muito sobre o assunto. Mas li algumas opiniões e  ouvi o resumo do último livro e acho uma comparação injustificada.

Apesar de ter adorado este amor impossível entre Grace e Sam, não sei se seguirei a saga. Porquê? Bem, na minha opinião o final do livro é perfeito - não ficaram pontas soltas. Algumas continuações tendem a complicar e a desapontar. E eu não quero ficar desapontada com a continuação.   

Thursday, 27 January 2011

"O Pacto ", Gemma Malley

O CRIME DE TER NASCIDO

Título Original: The Declaration (2007)
Autor: Gemma Malley
Editora: Editorial Presença
Colecção: Noites Claras
Nº Páginas: 289
ISBN: 978-972-23-4164-6
Género: Ficção Científica, Romance

Sinopse: "Planeta Terra, ano 2140. A ciência oferece aos humanos a possibilidade de se tornarem imortais, mas, dada a escassez de recursos, a imortalidade só é garantida à custa da renúncia à descendência. O Pacto é o compromisso que sela tal decisão. Quebrá-lo é ir contra as leis da Natureza, e as consequências são aterradoras. Anna conhece-as demasiado bem. É uma Excedente, uma criança que não deveria ter nascido. Desde bebé que está em Grange Hall, a instituição que prepara todos os Excedentes para o terrível destino que os espera no mundo exterior. Mas um dia recebe a visita de Peter, um jovem Excedente que vem revolucionar para sempre a sua visão de si própria e do mundo… Uma estreia absolutamente original."

Opinião: Num mundo em que os seres humanos têm a possibilidade de viverem para sempre devido a um medicamento chamado, "Longevidade", os recursos naturais tornam-se escassos e a única maneira de sobreviver é renunciando ao direito de ter filhos. Para tal, os seres humanos assinam o Pacto tornando-se Legítimos. Quebrá-lo traz consequências indesejáveis: os progenitores são presos e as crianças - chamadas Excedentes - são enviadas para instituições onde lhe ensinam que não têm o direito de viver e estão a roubar os recursos pertencentes aos Legítimos; instituições onde aprendem a odiar os seus pais por terem desejado o seu nascimento. 

É em Grange Hall que vive Anna, desde muito nova, e onde aprende que para reparar os crimes dos seus pais tem de se esforçar para ser um bom Excedente. Tudo corre bem em Grange Hall,  com Anna a esforçar-se  para se tornar um Bem Valioso até ao dia em que Peter surge e lhe mostra que nem tudo é preto e branco. Peter vem revolucionar o modo de Anna pensar, levando-a a descobrir que tudo o que aprendeu em Grange Hall não passam de mentiras e existe um mundo à sua espera cheio de surpresas para  descobrir.  

De início Anna consegue pôr-nos os nervos em franja - pelo menos a mim conseguiu. A lavagem cerebral sofrida em Grange Hall é tão profunda que Anna apenas pensa em  tornar-se o melhor Excedente de todos e não compreende que Peter é quem tem razão - os Excedentes têm o mesmo direito a viver que os Legítimos. Mas quando ela compreende todas as mentiras em que foi obrigada a acreditar senti logo simpatia pela personagem.  

A escritora apresenta-nos um mundo alternativo bastante fascinate, um mundo que me faz questionar como pode este livro ser classificado como literatura infanto-juvenil - talvez por causa da faixa etária das personagens principais, mas deviam ter em conta algum contéudo da história, especialmente o final. Mostra que por mais apelativa que possa ser a imortalidade, as consequências por si trazidas são muito superiores aos benefícios.  
Gostei muito desde livro - as passagens do diário proibido de Anna apesar de poucas, foram muito agradáveis de ler - com um final inesperado. Quem diria que a directora de Grange Hall tinha um segredo tão obscuro?   

Monday, 24 January 2011

"Insaciável", Meg Cabot

Título Original: Insatiable (2010)
Autor: Meg Cabot
Editora: Bertrand Editora
Nº Páginas: 512
ISBN: 978-972-25-2238-0
Género: Literatura Fantástica

Sinopse: "Está farto de ouvir falar em vampiros? Meena Harper também. Mas os seus patrões obrigam-na a escrever sobre eles na mesma, apesar de Meena não acreditar na sua existência.
Não é que Meena seja alheia ao sobrenatural. O que se passa é que ela sabe como vamos morrer. (Claro que não acreditamos nela. Nunca ninguém acredita.) Nem o dom da premonição de Meena pode contudo prepará-la para o que sucede quando ela conhece Lucien Antonescu (e depois comete o erro de se apaixonar por ele), um príncipe dos dias de hoje com um lado negro. Trata-se de um lado negro pelo qual muitas pessoas, como por exemplo uma antiga sociedade de caçadores de vampiros, preferiam vê-lo morto.
O problema é que Lucien já está morto. Talvez seja por isso que é o primeiro tipo que Meena conhece com quem se imagina a ter um futuro. É que, apesar de Meena ser capaz de ver o futuro das outras pessoas, nunca conseguiu ver o próprio.
E apesar de Lucien parecer ser tudo o que Meena sonhou encontrar num namorado, poderá acabar por ser um pesadelo. Esta poderá ser uma boa altura para Meena começar a prever o seu próprio futuro…
Se é que o tem."


Opinião: Meena Harper é uma argumentista da telenovela "Insacíavel", que devido aos seus superiores se vê forçada a escrever sobre criaturas pelas quais não sente a menor simpatia e não acredita na sua existência: vampiros. Para alguém como Meena, que consegue saber como os outros vão morrer (mas não consegue prever a sua morte), devia ter um pouco mais de fé no sobrenatural. Se existem videntes como ela porque não podem existir vampiros? - questão roubada a Leisha, a melhor amiga de longa data de Meena.

Numa noite em que sai para passear o seu cão, Jack Bauer, Meena conhece Lucien Antonescu, um príncipe dos dias de hoje - no sentido literal - com um segredo negro pelo qual Meena nunca estaria à espera. Lucien, o homem por quem se apaixona, é o príncipe das trevas, o filho do ser que todos os mortais conhecem como Drácula, o vampiro mais procurado pela sociedade de caçadores de vampiros conhecida como Palatina - Alaric Wulf, um desses caçadores, não irá descançar até descobrir o paradeiro de Lucien e cortar-lhe o pescoço com a sua espada, o Senor Stick (não consigo por o acento no "e").     

Neste livro, Cabot ridiculariza as histórias de vampiros através de Meena, mas acaba por escrever uma história com muitas semelhanças - o vampiro apaixona-se pela mortal e tenta redimir-se pelo amor que sente por ela. Gostei da escrita apesar de algumas expressões e frases serem um pouco repetidas ao longo das páginas.    

Na minha opinião as personagens criadas por Cabot sofreram de um pequeno problema: ou eu as adorava ou então as odiava e via-me a desejar pela chegada do seu fim - a única excepção foi o irmão de Meena, Jon, que tanto agia de modo a ser adorado como estrangulado.

Algo que não apreciei na obra foram as dicas de um triângulo amoroso que será desenvolvido no próximo livro da série. Não que tenha algo contra romance - é algo que aprecio, algumas vezes em demasia -, mas será que todos os livros tem de ter sempre triângulos amorosos? A relação de Meena e Lucian já em si é complicada e quando se junta um terceiro elemento gera-se mais drama - por vezes bastante aborrecido e lamechas. Talvez não esteja muito inclinada para este triângulo pois não consegui gostar do terceiro elemento - peço desculpa a todos os fãs de Alaric, mas o caçador de vampiros casmurro, com o complexo de herói e com um ligeiro toque cómico não resultou comigo e com grande dificuldades o consigo tolerar. Talvez se Alaric tivesse sido apresentado de outra maneira eu me tivesse conseguido afeiçoar à personagem.   

Este livro foi mais uma surpresa agradável - mesmo tratando-se de mais uma história de vampiros com um mais um triângulo amoroso -, que recomendo a todos os amantes do género.

Friday, 21 January 2011

"Anjo Caído", Lauren Kate

"E SE A PESSOA QUE LHE ESTAVA DESTINADA NUNCA PUDESSE SER SUA?"

Título Original: Fallen (2009)
Autor: Lauren Kate
Editora: Planeta
Nº Páginas: 328 
ISBN: 978-989-657-125-2  
Género: Literatura Fantástica

Sinopse: "Existe qualquer coisa de dolorosamente familiar em Daniel Grigori. Misterioso e distante, prende a atenção de Luce Price logo que o vê no primeiro dia de aulas no internato Sword & Cross, em Savannah. É a única coisa boa num lugar onde os telemóveis são proibidos, os outros estudantes são tramados e as câmaras de segurança vigiam todos os movimentos. Excepto uma coisa: Daniel não quer ter nada a ver com Luce e faz o possível para tornar isso muito claro. Mas ela não consegue desistir. Atraída para ele como uma borboleta para uma chama, Luce tem de descobrir o que Daniel, desesperado, tenta manter em segredo… mesmo que a mate. Perigoso, excitante e sombriamente romântico, Anjo Caído é uma apaixonante e perfeita história de amor."

Opinião: Apenas algumas palavras bastam para descrever este livro: Simplesmente épico! É inacreditável como deixei este livro em cima da mesa, perdido numa longa pilha de livros, durante tanto tempo. É inacreditável como esperei dois meses para ler as suas páginas recheadas de fantasia e mistério, para ler a maravilhosa história de um amor intemporal. Confesso arrepender-me de não ter lido o livro no momento em que chegou às minhas mão. Uma história como esta devia ter sido prioridade.  

Lucinda Price acaba no reformatório Sword & Cross após uma tragédia da qual pouco se recorda e que da qual a acusaram ser culpada. Luce vê-se confrontada com um mundo diferente do que estava habituada. É no primeiro dia de aulas que Luce conhece Daniel Grigori, quem não é muito simpático para si e faz todos os possíveis para não ter nada haver com ela. Mas Luce sente um grande fascínio por Daniel e não deixará a sua atitude fria a afaste e saber quem é este rapaz de olhos cinza com tons violeta - é melhor não prolongar muito a descrição da relação entre Daniel e Luce ou acabarei por revelar pormenores que os leitores gostam de descobrir por si mesmos. 

É também neste primeiro dia de aulas que Luce conhece Cam, um rapaz de olhos verdes que a enche de atenções ao contrário de Daniel, Arriane, uma rapariga com uma personalidade excêntrica, Gabbe, de quem sente ciúmes por ser tão próxima de Daniel, Molly, uma rapariga punk que não gosta dela desde um encontro desagradável no refeitório do internato, e Penn, que se tornará na sua melhor amiga ao longo da história.

Um aspecto positivo deste livro é ter uma capa absolutamente encantadora. Uma das capas mais bonitas que já vi. Dei por mim várias vezes a ter um cuidado especial - sou sempre muita cuidadosa com os meus livros, mas desta vez posso dizer que exagerei nos cuidados -, para não dobrar a capa ou para não deixar a obra cair ao chão - tal como sou cuidadosa sou um pouquinho desastrada.

"Anjo Caído" é uma obra refrescante num mercado invadido cada vez mais por vampiros. É uma história fantástica, cheia de mistério. Infelizmente terei de esperar pelo próximo livro da série para descobrir as respostas de muitas das questões que ficaram por responder. 

"Anjo Caído" é sem dúvida um livro que me encantou por completo; é sem dúvida um dos meus livros preferidos de todos os tempos.  

Thursday, 20 January 2011

Book Trailer - "Wicked Lovely - Tatuagem", Melissa Marr




É já amanhã a chegada de "Wicked Lovely - Tatuagem"
de Melissa Marr.

 Nota: Book Trailer feito por um fã.  

Monday, 17 January 2011

"Pátria", R. A. Salvatore

Título Original: Homeland (1990)
Autor: R. A. Salvatore
Editora: Saída de Emergência
Nº Páginas: 304
ISBN: 978-989-637-255-2 
Género: Literatura Fantástica


Sinopse: "Nas profundezas da terra e rodeada de trevas eternas, esconde-se a imensa cidade proibida de Menzoberranzan. Habitada pelos drows, os temidos elfos negros, Menzoberranzan é governada por um complexo sistema de Casas em constante batalha. No meio de uma dessas batalhas nasce uma criança com olhos cor púrpura.
A criança, Drizzt Do'Urden, destinada a tornar-se príncipe de uma das Casas, cresce num mundo vil onde a sua própria família não hesita em conspirar, trair e assassinar. Surpreendentemente, Drizzt desenvolve um sentido de honra e justiça completamente estranho à sua cidade. Mas haverá lugar para ele num mundo onde a crueldade é a maior virtude? Venha descobrir Drizzt, o elfo negro, uma das personagens mais lendárias da fantasia. E acompanhe-o na épica e intrépida jornada para longe de um mundo onde não tem lugar... em busca de outro, na superfície, onde talvez nunca o aceitem."

Opinião: Desde que "Pátria" foi lançado que dei por mim  a admirá- lo muitas vezes e a ler a sinopse vezes sem fim. Levei muito tempo a adquirir a obra pois não sabia muito bem o que esperar dela. Após a leitura de muitas opiniões positivas sobre esta obra decidi adquirir o livro para a minha biblioteca e vi-me a desfolhá-lo com muito gosto. 

Menzoberranzan é uma cidade subterrânea povoada pelos elfos negros, os Drows. Numa sociedade maléfica, os Drows precisam de andar com o olhar por cima do ombro. Nunca sabem quando uma adaga pode ser o seu fim. O culpado se não for apanhado a cometer o acto caminhará impune pela negra sociedade sem a preocupação de pagar pelo seu crime.

A história começa meras horas antes do nascimento de Drizzt. A casa Do'Urden, a sua casa, prepara-se para destruir a Casa DeVir para ascender na sociedade Drow. Drizzt nasce durante a batalha, sendo a energia do seu nascimento - as dores do parto da Matrona Malice - usada para destuir a Matrano e as sacerdotizas da casa DeVir. O pequeno bebé cor de ébano devia ser sacrificado à deusa Loth, a maquiavélica deusa aranha, mas no calor da batalha um assassinato é cometido permitindo a Drizzt crescer numa sociedade muito diferente de si. O rapaz de olhos cor de alfazema - cor nunca antes vista em nenhum outro elfo negro - transforma-se num exímio e inteligente guerreiro com um código de honra desprezado pelos habitantes de Menzoberranzan e com um coração cheio de compaixão e luz.    

"Pátria" teve como origem o cenário "Fogotten Realms", um universo do jogo RPG "Dungeons&Dragons". Foi a primeira vez que li um livro baseado num jogo e posso dizer que fiquei muito impressionada com a maneira como o escritor conseguiu transpor um universo complexo, cheio de personagens e locais, para as páginas de um livro.  
    
"Exílio", a continuação da história de Drizzt, é o próximo livro a ser publicado da "Trilogia do Elfo Negro". Espero que seja publicado em Fevereiro - devia ter sido publicado em Dezembro - pois este elfo negro de bom coração conquistou um lugar no meu imaginário.  

Wednesday, 12 January 2011

"O Apelo da Lua", Patricia Briggs

Título Original: Moon Called (2006)
Autor: Patricia Briggs
Editora: Saída de Emergência
Nº Páginas: 288
ISBN: 978-989-637-257-6
Género: Fantasia Urbana

Sinopse: "Mercy Thompson é uma talentosa mecânica de automóveis que vive na zona de Washington. Mas ela é muito mais do que isso: também é uma metamorfa com o poder de se transformar num coiote. Como se não chegasse, o seu vizinho é um lobisomem, o seu antigo patrão um gremlin, e neste momento está a reparar a carrinha de um vampiro.

Este é o mundo de Mercy Thompson, um que parece igualzinho ao nosso, mas cujas sombras estão repletas de estranhas e perigosas criaturas da noite. E se até agora Mercy sempre viveu bem nesse mundo, aproxima-se o dia em que a sua preocupação vai ser apenas sobreviver..."

Opinião:  Mercedes "Mercy" Thompson é uma mecânica de automóveis que vive na região de Washington, na área Tri-Cidades. Mas Mercy não é uma mecânica comum: é uma metamorfa com a capacidade de se transformar em coiote e foi criada por lobisomens. Mercy tenta viver a sua vida o mais normalmente possível - não é facíl tendo um ser feérico como antigo patrão, estar a reparar a carrinha do vampiro Stephan e sendo o seu vizinho Adam o lobisomem Alfa. Com o aparacimento de Mac, um lobisomem novato e com o aspecto de um fugitivo, na sua garagem à procura de emprego, Mercy vê-se transportada "para a aventura da sua vida".  

"O Apelo da Lua" é uma obra refrescante. No mercado de hoje em que histórias de vampiros reinam é bom encontrar um bom livro povoado de lobisomens com uma história envolvente. Briggs criou uma obra com todos os ingredientes para cativar a atenção do leitor (a minha cativou sem dúvida). Uma obra repleta de acção, espirituosa, cheia de suspance e viciante.

Gostei muito da personagem Mercy. Ela é leal, teimosa, audaciosa e corajosa. Conhece as suas limitações - ao contrário de muitas protagonistas - tornando-se assim ainda mais apelativa. Existe um triângulo amoroso entre Mercy, Adam e Samuel (o primeiro amor de Mercy), contudo não existe muito romance. Não acho que o livro peque por isso. Um dos aspectos que me fez "apaixonar" pela obra foi o elemento mágico - em particular, a magia entre os lobisomens.

Mal posso esperar pelo dia 21 de Janeiro para continuar a acompanhar as aventuras de Mercy em "Vínculo de Sangue".

Friday, 7 January 2011

Desafio Fantasia


Mais um desafio para este ano.

Este desafio foi adaptado de blogues internacionais  pelos blogues As Histórias da Elphaba e Pedacinho Literário. Como devoro mariotariamente livros recheados de fantasia e criaturas fantásticas não podia deixar de participar neste desafio.

O "Desafio Fantasia" tem como objectivo no espaço de seis meses ler um livro que refira cada uma das seguintes criaturas do universo fantástico:

1. Vampiros
2. Lobisomens
3. Anjos
4. Demónios
5. Dragões
6. Fantasmas
7. Bruxos/Feiticeiros
8. Deuses/Deusas
9. Fadas
10. Videntes (seres humanos com habilidades mentais de qualquer tipo). 

Para participar clica Aqui [As Histórias da Elphaba] ou Aqui [Pedacinho Literário].

Thursday, 6 January 2011

Desejos de Leituras e Objectivos Para 2011


Após um ano em que me voltei a apaixonar perdidamente pelos livros - sempre fui uma ávida leitora mas este ano até Junho fui bastante desleixada tendo apenas lido um livro até à altura -, decidi ser tempo de fazer uma lista dos livros que desejo ler no ano que chegou.

Não só faço a lista para acabar com a pilha de livros que se encontra no meu quarto - uma pilha já dividida em dois -, mas também para controlar o número de novas aquisições. Ao longo do ano passado a minha bibioteca adquiriu 75 livros e destes foram lidos 39.  Apenas uma das minhas leituras do ano passado havia sida comprada noutro ano.

Desejos de Leituras Para 2011:

- Ler a "Triologia das Jóias Negras" de Anne Bishop. Ainda só li o primeiro volume, "A Filha do Sangue" (um livro na minha posse à quatro anos) e agora preciso de saber o que vai acontecer a seguir. Já adquiri o segundo livro da saga, mas terei de proceder à compra do terceiro.

- Ler as "Crónicas de Fogo e Gelo" de George R.R. Martin. Li excelentes críticas aos livros, ficando com uma pulga debaixo da orelha. Este ano terei de ler os livros que tantos falam e por quem tantos se apaixonaram - tanto pela escrita, como pelos personagens e suas aventuras. Um senão é que terei de comprar ainda mais seis livros, pois apenas tenho os dois primeiros;

- Ler a "Triologia de Sevenwaters" de Juliet Marillier. Obras tão fantásticas têm de sair da minha pilha pilha de livros por ler. É tempo de encontar um nova casinha nas minhas estantes;

- Ler Jane Austen ("Sensibilidade e Bom Senso", "Mansfield Park" e "Abadia de Nothanger");

- Ler, finalmente,  "O Símbolo Perdido" de Dan Brown;

- Concluir a leitura das obras de Agatha Christie perdidas cá por casa; 

- Concluir a leitura dos livros deixados a meio para poder dar prioridade a outros livros (Ex.: A Lança do Deserto de Peter V. Brett - apenas faltam alguns capítulos mas arranjo sempre um livro para se intrometer entre nós);

- Ler pelo menos vinte livros comprados em anos anteriores;

Objectivos Para 2011:

Um dos meus ojectivos deste ano é comprar apenas dois a três livros por mês. - o que já vai ser complicado no primeiro mês deste ano, pois vão ser publicados muitos livros que quero que façam parte da minha biblioteca.

Como podem reparar encontro-me muito atrasada na divulgação das minhas opiniões. Assim, outro dos meus objectivos é escrever a minha opinião sobre todos os livros lidos e que vou ler no futuro.

Como o ano passado apenas fiquei pela leitura de quarenta livros, este ano defeni como meta a leitura de cinquenta obras.